Saltar para: Posts [1], Pesquisa e Arquivos [2]


tatuagem proibida

por vítor, em 14.12.14

sizízia anel.jpg

(foto de Jorge Jubilot)

(Lido ontem na apresentação da "Revista" Sizígia, na Galeria Sul, Sol e Sal, em Olhão)

 

A minha mão como uma pata de elefante
sobre o teu peito, pegada profunda
escarnecendo da memória antiga
à sombra das amendoeiras esbranquiçadas,
a neve clareando o alcatrão, estabelecendo
um contínuo pesar nos lábios, na cortina
que separa a noite das inefáveis
similitudes do amor. O vento
empurrando as águas mornas
para os braços do promontório sagrado,
empurrando as águas revoltas na direção
do oceano sem fim. O teu sorriso atira
mísseis cara-a-cara na efervescência
dos rituais baratos de domingo,
nos corações que a estrada consome.
És presença sem rosto atravessando
a bruma cautelosa na clausura dos armários,
coágulo que range na reverberação
dócil dos condenados. Nas praias deste Sul intenso,
navega um subtil grão de areia rebolando
nos interstícios do verão, na melodia plagiada
infetando o sonho, num odor de alfarroba
interrompendo a dor. Agora que as malditas grilhetas
da paixão afrouxam no seio da nave
perdida nos silêncios, agarremos as mãos pesadas,
erguidas em preces fraudulentas, e arremessemos
o que resta de nós no tatuado fruto proibido.

Cativa,  22- 7 - 2014

 

Autoria e outros dados (tags, etc)

publicado às 14:55

sábado à tarde...

por vítor, em 24.02.14

... é uma tarde como outra qualquer...

 

Autoria e outros dados (tags, etc)

publicado às 17:15

é só espuma... tudo o é...

por vítor, em 09.02.14

Autoria e outros dados (tags, etc)

publicado às 12:53

espuma evanescente

por vítor, em 03.01.14

 

:)CanalSonora(:   editora a 37° 7′ 0″ N, 7° 39′ 0″ W

 

pequenos livros~grandes segredos~volumes portáteis~emoções resguardadas

 

~ Tem o prazer de anunciar o seu primeiro lançamento de 2014:

 

‘Espuma Evanescente’ de VITOR G. CARDEIRA (cs03liv.jan14) 

«Primeiro ato neste início de ano diluviano. O caminho faz-se caminhando e em janeiro os pés far-se-ão desenhar nas lamas fecundas do restolho agonizante. A vida irrompe onde a morte alimentou  os campos de ausência e asperidade. Os dias de março virão e batizaremos a terra de luz e cor. Siga a ação que comando eu. A continuidade é uma mal dita palavra nas noites que introduzem a perenidade das coisas. Das coisas que precedem o silêncio.» (P.19)

 

Autoria e outros dados (tags, etc)

publicado às 15:17

os amigos matam-nos...

por vítor, em 16.08.10

CANAL SONORA

Autoria e outros dados (tags, etc)

publicado às 16:55


Mais sobre mim

foto do autor


Subscrever por e-mail

A subscrição é anónima e gera, no máximo, um e-mail por dia.

4 águas/cativa editoras

5 euros (livro) + 2.5 (portes) = 7.5 euros vgcardeira@sapo.pt


Arquivo

  1. 2018
  2. J
  3. F
  4. M
  5. A
  6. M
  7. J
  8. J
  9. A
  10. S
  11. O
  12. N
  13. D
  14. 2017
  15. J
  16. F
  17. M
  18. A
  19. M
  20. J
  21. J
  22. A
  23. S
  24. O
  25. N
  26. D
  27. 2016
  28. J
  29. F
  30. M
  31. A
  32. M
  33. J
  34. J
  35. A
  36. S
  37. O
  38. N
  39. D
  40. 2015
  41. J
  42. F
  43. M
  44. A
  45. M
  46. J
  47. J
  48. A
  49. S
  50. O
  51. N
  52. D
  53. 2014
  54. J
  55. F
  56. M
  57. A
  58. M
  59. J
  60. J
  61. A
  62. S
  63. O
  64. N
  65. D
  66. 2013
  67. J
  68. F
  69. M
  70. A
  71. M
  72. J
  73. J
  74. A
  75. S
  76. O
  77. N
  78. D
  79. 2012
  80. J
  81. F
  82. M
  83. A
  84. M
  85. J
  86. J
  87. A
  88. S
  89. O
  90. N
  91. D
  92. 2011
  93. J
  94. F
  95. M
  96. A
  97. M
  98. J
  99. J
  100. A
  101. S
  102. O
  103. N
  104. D
  105. 2010
  106. J
  107. F
  108. M
  109. A
  110. M
  111. J
  112. J
  113. A
  114. S
  115. O
  116. N
  117. D
  118. 2009
  119. J
  120. F
  121. M
  122. A
  123. M
  124. J
  125. J
  126. A
  127. S
  128. O
  129. N
  130. D
  131. 2008
  132. J
  133. F
  134. M
  135. A
  136. M
  137. J
  138. J
  139. A
  140. S
  141. O
  142. N
  143. D
  144. 2007
  145. J
  146. F
  147. M
  148. A
  149. M
  150. J
  151. J
  152. A
  153. S
  154. O
  155. N
  156. D
  157. 2006
  158. J
  159. F
  160. M
  161. A
  162. M
  163. J
  164. J
  165. A
  166. S
  167. O
  168. N
  169. D

votação

Pode Portugal sair da crise sem a ajuda da Troika?
Sim
Não
= ver resultados =



partículas




vendo


My blog is worth $5,645.40.
How much is your blog worth?


horas amargas


PRÉMIO CATIVA

07/2007 - Jorge Palma 08/2008 - Ricardo Araújo Pereira 09/2009 - José Bivar 10/2010 - Ana Drago 11/11/2011 - The Legendary Tiger Man 12/12/12 - Ricardo Araújo Pereira 26/12/13 - Rui Costa VII

tradutor